Saiba como as crianças aprendem outros idiomas

como-as-criancas-aprendem-idiomas

Saiba como as crianças aprendem outros idiomas

Tempo de leitura: 3 minutos

Atualmente, falar uma segunda língua é muito importante, pois está deixando de ser um diferencial e passando a ser uma exigência. Quando pensamos em nossos filhos, é claro que queremos que eles sejam bilíngues, para que tenham um futuro garantido e encontrem milhares de oportunidades. Ao aprender um novo idioma na infância é possível adquirir um domínio maior sobre ele, ou seja, ser bilíngue fica muito mais fácil. Hoje, vamos te contar como é o processo de aprendizagem de uma nova língua para as crianças.

Qualquer pessoa pode aprender um novo idioma, mas vale lembrar que as crianças falam inglês ou outra língua estrangeira com mais facilidade do que os adultos, pois têm grande capacidade de aprendizado, já que na infância o cérebro é projetado para isso.

Ao abordarem a linguagem, autores como Penfield e Roberts (1959) ou Lenneberg (1967) classificam a primeira Infância como o período crítico para aprender uma segunda língua, enquanto já é assimilado o idioma nativo. Seus estudos revelam também que se as crianças estão em contato com outra língua de forma natural e contínua desde o nascimento, ocorre a aprendizagem simultânea com a língua nativa, mas para isso os pais devem ser bilíngues.

practicar ingles

Agora que já falamos sobre a Primeira Infância, vamos saber mais sobre como as crianças aprendem novos idiomas durante outras fases da infância e adolescência:

  • Segunda Infância (3 – 6 anos):

Nesse período, o cérebro das crianças continua a ser condicionado para aprender facilmente um idioma estrangeiro. Aqui, assimilar coisas novas não é tão natural como na primeira infância, mas o cérebro ainda está predisposto a aprender, por isso é muito importante que haja a exposição à segunda língua de forma constante.

  • Terceira Infância (7 – 12 anos):

É importante ter em mente que à medida que as crianças crescem, o aprendizado de um novo idioma perde sua naturalidade. Nesta fase, o cérebro continua com boa disposição para aprender, mas a criança precisa estar sempre em contato direto com a língua estrangeira, e agora já é possível trazer regras gramaticais, para um aprendizado mais elaborado e ligado à experiência e familiarização com o idioma no dia a dia. 

  • Adolescência (12 anos ou mais):

Nesse momento, o cérebro da criança atinge o potencial de um adulto, então é possível ir além e ensinar estruturas mais complexas do segundo idioma.

Manter essas etapas em mente é interessante porque elas nos permitem compreender como é o processo de aprendizagem de uma segunda língua para as crianças. Além disso, também devemos levar em consideração outros fatores-chave:

As crianças devem aprender em seu próprio ritmo: cada criança é diferente e precisamos entender que elas são as protagonistas do processo. Como adultos e pais, estamos aqui apenas para acompanhar e orientar.

Família e ambiente: são 2 fatores muito importantes, pois se a criança cresce em um ambiente onde um segundo idioma faz parte do dia a dia, seu aprendizado será favorecido.

Professores e didática: ambos influenciam muito na jornada de aprender uma nova língua  o ideal é que o professor possa ensinar a criança de acordo com seus pontos fortes e fracos. Da mesma forma, o uso de ferramentas interativas ou metodologias diferentes faz com que a criança associe aprendizagem a momentos de diversão, e isso torna tudo mais prático e fácil. 

Não existem fórmulas mágicas para as crianças aprenderem inglês, pois é um processo, como todo aprendizado, e você desempenha um papel fundamental nele. Matricule seu filho hoje no curso de inglês online para crianças da Open English Junior, ele vai aprender e se divertir com nossas aulas de inglês.

Quero matricular meu filho!!

Outros artigos que podem interessar a você são: