Inglês britânico e americano - diferenças

Inglês britânico e americano: aprenda as diferenças 🇬🇧🇺🇸


12 minutos leitura

Inglês britânico e americano. Quem pensa que inglês é tudo a mesma coisa, tá muito enganado! 🤯🙊

Assim como o português do Brasil e de Portugal, o inglês é um idioma que possui variações linguísticas.

Essas variações acontecem entre os países que falam inglês como língua nativa, como os Estados Unidos, o Reino Unido e a Austrália, e é graças a elas que cada região tem as suas peculiaridades na hora de se expressar. 💡🌎

Além disso, dentro de um mesmo país existem diferentes sotaques e expressões, que variam dependendo da localidade.

Mas fique tranquilo: conhecendo um pouco da cultura e as características do inglês de cada lugar fica mais fácil se adaptar na hora de falar inglês 🤩💪

Continue por aqui para aprender mais sobre as diferenças do inglês americano e britânico e como falar cada um deles! 🤓

curso de ingles online

Inglês britânico e americano: diferenças

As principais diferenças entre o inglês britânico e americano estão na gramática, escrita, vocabulário e pronúncia. 

Mas também podemos ver variações na pontuação e até no formato de datas e números. E nós vamos explorar cada uma delas detalhadamente 🤩 Continue com a gente!

teste de inglês online

De onde surgiu essa diferença entre o inglês britânico e o inglês americano?

Tudo começou no final dos anos 1700, quando o lexicógrafo americano Noah Webster, autor do Dicionário Americano da Língua Inglesa, iniciou uma verdadeira revolução linguística. 

Para ele, a escrita das palavras em inglês não condizia com a forma como elas eram pronunciadas nos Estados Unidos desde que a língua foi introduzida pelos colonos britânicos no século XVIII. 

A partir daí, ele começou a soletrar algumas palavras, como: “colour” e “honour” retirando a letra “u” dessas palavras para que a grafia correspondesse à forma como eram ditas. 

Supostamente, Webster mudou a forma como as palavras eram escritas como forma de mostrar a independência americana 💪🏻

Curso de inglês grátis por 24h

Variações linguísticas do inglês americano e britânico

Nesse sentido, a principal diferença é que o inglês britânico mantém a escrita das palavras que absorveu de outras línguas, como o francês e o alemão.

Enquanto a escrita do inglês americano se baseia principalmente em como a palavra soa quando é pronunciada

So far so good?

Diferenças entre inglês britânico e americano: exemplos

Bom, agora que você já sabe de onde surgiram essas diferenças, vamos entender melhor onde elas estão presentes?

Diferença gramatical

Existem várias diferenças entre o inglês britânico e o inglês americano que vão desde o uso das preposições em inglês aos tempos verbais. Vamos ver as mais relevantes:

Open English Promoção

Present Perfect x Simple Past

Uma das principais diferenças entre o inglês britânico e o americano é o uso de Present Perfect (have/has + past participle

Enquanto no inglês britânico ele aparece com bastante frequência, no inglês americano é mais comum o uso do Simple Past.

Em sentenças que contenham as palavras already, just e yet:

  • 🇬🇧 Have you watched the 3rd season of House of Cards yet?
  • 🇺🇸 Did you watch the 3rd season of House of Cards yet? 

Em sentenças que falam de uma ação no passado que tem efeito no presente:

  • 🇬🇧  I can’t find my wallet. Have you seen it?
  • 🇺🇸 I can’t find my wallet. Did you see it?

Have x Take

Em situações onde os verbos have ou take são usados com um substantivo que descreve uma ação. Por exemplo: 

Inglês Britânico Inglês Americano
  • Why don’t you go and have a shower?
  • Why don’t you go and take a shower?
  • I would love to have a bubble bath
  • I would love to take a bubble bath
  • I sorely need to have a holiday
  • I desperately need to take a vacation
  • The baby is having a nap
  • The baby is taking a nap
  • You can have your rest after you’re done here
  • You can take your rest after you’re done here

Verbos auxiliares Shall x Will

No inglês britânico, quando estamos falando sobre o futuro, às vezes, usamos o shall no lugar de will

  • 🇬🇧 I shall be with you in a minute.
  • 🇺🇸 I will be with you in a minute.

“Shall” também é usado para pedir um conselho ou opinião em inglês britânico. Já no inglês americano, usamos “should”.

  • 🇬🇧 Shall I call the doctor?
  • 🇺🇸 Should I call the doctor?

Preposições

No inglês britânico, “at” é usado com muitas expressões de tempo. Enquanto no inglês americano, o normal é usar “on”. Por exemplo:

  • 🇬🇧 Will they still be there at the weekend?
  • 🇺🇸 She’ll be coming home on weekends

Substantivos coletivos

No inglês americano, os substantivos coletivos estão sempre no singular, “the band is excellent”. Já no inglês britânico, você pode ver os dois: ‘the team are playing tonight” ou “the team is playing tonight”.

Tag questions

Tag questions são perguntas curtinhas que são adicionadas ao final de uma sentença para confirmar uma informação ou encorajar uma resposta. Por exemplo:

  • Is this your car, isn’t it? (Este é o seu carro, não é?)
  • Aren’t you serious, are you? (Você não está falando sério, está?)

E apesar de também serem usadas pelos americanos, são mais comuns no inglês britânico. Eles costumam usar “innit?”para dizer “não é?”. 

Diferenças ortográficas do inglês britânico e americano

As diferenças também podem ser vistas na forma como as palavras são escritas:

Algumas palavras terminadas em “tre”, no inglês britânico, terminam em “ter” no inglês americano:

  • 🇬🇧 theatre, centre
  • 🇺🇸 theater, center

Algumas palavras terminadas em “our”, no inglês britânico, terminam em “or” no inglês americano:

  • 🇬🇧 colour, labour, behaviour
  • 🇺🇸 color, labor, behavior

Algumas palavras terminadas “yse” no inglês britânico são sempre escritas com “ize” no inglês americano

  • 🇬🇧 analyse, breathalyse, paralyse
  • 🇺🇸 analyze, breathalyze, paralyze

No inglês britânico, o L é duplicado quando a palavra termina em vogal + L, como no caso de:

  • 🇬🇧 travelled,  travelling traveller
  • 🇺🇸 traveled, traveling traveler

 Alguns substantivos terminados em “ence” no inglês britânico são escritos “ense” no inglês americano:

  • 🇬🇧 defence, licence, offence, pretence
  • 🇺🇸 defense, license, offense, pretense

Já as palavras “apologize”, “organize” e “recognize”, escritas com “ize” no inglês americano, também podem ser escritas com “ise” no inglês britânico, dessa forma: apologise, organise e recognise. Nesse caso, as duas formas são permitidas.

Há também algumas diferenças de escrita aleatórias como estas:

Inglês Britânico Inglês Americano
  • Catalogue
  • Catalog
  • Grey
  • Gray
  • Programme
  • Program
  • Analyse
  • Analyze
  • Pyjamas
  • Pajamas
  • Mum
  • Mom

Diferenças de vocabulário

Americanos e britânicos usam palavras diferentes para falar da mesma coisa. Veja a seguir, uma lista com 20 palavras diferentes no inglês britânico e americano:

Lista de palavras em inglês americano e britânico

Inglês Britânico Inglês Americano
  • Autumn
  • Fall
  • Flat
  • Apartment
  • Lift
  • Elevator
  • Bathroom
  • Toilet
  • Underground
  • Subway
  • Pavement
  • Sidewalk
  • Film
  • Movies
  • Sweets
  • Candy
  • Biscuit
  • Cookies
  • Chips
  • French Fries
  • Rubbish
  • Trash
  • Petrol
  • Gas
  • Postman
  • Mailman
  • Postcode
  • Zip code
  • Mobile Phone
  • Cell Phone
  • Reception
  • Front Desk
  • Trousers
  • Pants
  • Dummy
  • Pacifier
  • Rubber
  • Eraser
  • Booking
  • Reservation

Diferenças de pronúncia no inglês britânico e americano

Quando o assunto é a pronúncia, o inglês britânico e americano tem diferenças bem marcantes, uma delas é a roticidade, que nada mais é do que a pronúncia da letra “R”.

Pronúncia da letra R

No inglês americano, a letra “R” é sempre pronunciada, independentemente se ela está no começo, meio ou fim da palavra.

Já no inglês britânico, a letra “R” geralmente não é pronunciada, exceto quando ela for seguida por uma vogal.

Veja os exemplos abaixo:

  • Red (vermelho): a letra “r” é seguida pela vogal “e”, então o “r” é pronunciado.
  • Round (redondo): a letra “r” é seguida pela vogal “o”, então o “r” é pronunciado.
  • Hard (difícil): a letra “r” é seguida pela consoante “d”. Nesse caso, o “r” não é pronunciado. A pronúncia de “hard” no inglês britânico seria “há-d”.
  • After all (depois de tudo): no caso da pronúncia de várias palavras, a regra da vogal permanece. Nesse caso, o “r” é pronunciado normalmente.

Além disso, no inglês americano, o “r” é pronunciado como o nosso erre caipira do interiorrrr de São Paulo. 🌽🤠 Já o britânico, é mais pomposo, como você vai ver no exemplo a seguir:

Pronúncia da letra T

No inglês americano, a letra “t” geralmente não é pronunciada. Já no inglês britânico, ela é sempre pronunciada. Veja alguns exemplos:

  • Water: no inglês americano, a pronúncia se parece mais com “uórâr”. Enquanto no inglês britânico, a pronúncia correta seria “uótâr”.
  • Writer: no inglês americano, a pronúncia seria ráirêr, enquanto no britânico “rái-ta”

Pronúncia da letra A

De maneira geral, a pronúncia da letra “A” no inglês britânico e americano é bastante parecida, como nas palavras “cat” e “mad”, por exemplo.

No entanto, nas palavras que contém “arr” como “carry” e “marry”, há uma diferença grande na pronúncia: 

  • Carry: no inglês americano, a pronúncia se parece mais com “quérui”. Enquanto no inglês britânico, a pronúncia correta seria “Cárui”.

Entonação

Tão importante quanto pronunciar as palavras corretamente é saber usar a entonação adequada. E nesse quesito, britânicos e americanos são bem diferentes.

Enquanto os britânicos iniciam uma sentença com alta entonação e vão diminuindo até finalizar a frase, os americanos aumentam a entonação ao finalizar uma frase, como se expressassem dúvida ou perguntassem algo. Legal, né?

Nesse vídeo com os nossos teachers, você pode conferir algumas diferenças curiosas de pronúncia entre o inglês britânico e americano.

Connected Speech

Outra diferença marcante entre o inglês britânico e americano é que no segundo, a pronúncia é mais acelerada.

Com isso, formam-se os connected speeches, palavras que se unem e criam sons próprios, como por exemplo: “don’t you”, que vira “doncha” ou “going to” que vira “gonna” 🔎👀

Apesar de ser considerado errado do ponto de vista gramatical, é perfeitamente aceitável no inglês falado, tanto em situações formais quanto informais. Porque é assim que os americanos se comunicam no dia a dia. 

Diferenças de pontuação no inglês britânico e americano

Citações

Americanos e britânicos também diferem na forma como fazem as citações. Os britânicos usam aspas simples (‘), enquanto os americanos usam as aspas duplas (“).

Outro detalhe é que se houver um ponto final ou vírgula após essa citação, os britânicos deixam fora das aspas. Já os americanos incluem esse ponto dentro das aspas.

Pronomes de tratamento

No inglês americano, Mr., Ms., e Mrs têm ponto final, já o inglês britânico não usa essa pontuação.

Diferenças de data e hora

Os britânicos escrevem as horas em inglês usando ponto final para separar as horas e os minutos, dessa forma: 12.05. Já os americanos, separam as horas e minutos com dois pontos, assim: 12:05. 

Para se referir às datas ou os meses em inglês, os americanos usam o formato mês/dia/ano. Por exemplo, 25 de agosto de 2023 seria 08/25/2023. 

os britânicos, usam o formato dia/mês/ano, como a maior parte dos países, inclusive o nosso. Mais simples, né? 

Vale lembrar que as regras de pontuação e formato de data e hora são aplicadas somente na língua escrita, ou seja, na língua falada elas não têm impacto algum. 

Qual a diferença do inglês americano para o inglês britânico?

Como você viu, pequenas diferenças distinguem o inglês britânico do americano. No entanto, nenhuma delas impede a comunicação entre pessoas do Reino Unido ou Estados Unidos.

Se você está aprendendo inglês, o mais importante é perceber as peculiaridades da língua e compreender o que está sendo dito.

Para isso, ter contato com nativos pode ajudar a construir um vocabulário amplo e melhorar a compreensão oral e a compreensão auditiva no idioma.

E se você quer ter uma experiência de intercâmbio sem sair de casa e aprender inglês britânico e americano sem dificuldades, a Open English te ajuda a chegar lá:

Open English: aulas de inglês com nativos 24h por dia

Na Open English, cada aula de inglês é uma oportunidade de aprender uma variação diferente! Isso porque todos os professores do nosso curso de inglês online são falantes nativos de inglês. 

Aprenda inglês britânico, americano, australiano e até o inglês falado na África do Sul e treine seu ouvido para entender diferentes sotaques do inglês.

Se você precisa de flexibilidade para estudar inglês, é aqui que vai encontrar:

  • Aulas ao vivo a cada 30 minutos com acesso ilimitado
  • Aulas de gramática e aulas de conversação ilimitadas
  • Plataforma completa com lições, exercícios e muita prática de pronúncia;
  • Turmas limitadas com no máximo 8 alunos do mesmo nível de inglês;
  • Lições de inglês instrumental e + de 300h de conteúdo preparatório para testes de proficiência em inglês
  • Aulas particulares se você quiser aprender inglês rápido.
  • Teste de inglês online gratuito para você começar no nível certo e mais!

Tudo isso, sem precisar sair de casa e por um preço que cabe no seu bolso. 

Quer saber mais? Clique no botão abaixo, preencha o formulário e estude na escola de inglês online nº1 na América Latina.

 

Quero saber mais


Conheça o curso
Open English Promoção